Arquivo da tag: Cerveja gelada

Comida Mineira em SP: Gamela, uai!

Correria total, mas não consigo largar o blog.

Daí, eu criei aqui na minha cachola o que vou chamar de posts #semfirulas. Serão posts rapidinhos de algo que vi por aí nos mochilões.

E para começar, eu não podia deixar de falar do Gamela, um restaurante com cara de boteco daqueles bem arrumadinhos e gostosinhos, sabe?! Fica na Joaquim Távora, ali na Vila Mariana.

Delícia de lugar para comer uma comida mineira e tomar uma cervejinha (das loiras) gelada.

Vesh, só de lembrar… é de lamber os beiços!

PS. Estou cada vez mais convencida que esse blog tá virando Levo na Lancheira. hê

Anúncios

4 Comentários

Arquivado em Mochilão SP

Rancho da Empada, Vila Mariana

Ouvi por aí que o blog deveria chamar Levo na Lancheira. Por que será, ein?! rs

Comer é uma das maravilhas da vida né,  gente? Principalmente quando estamos experimentando algo e nos surpreendemos com um novo sabor delicioso.

Sabor, água na boca e gordice não faltaram na minha visita ao Rancho da Empada.

Decidir qual experimentar não foi nada fácil, o que fez o pedido ficar um tanto quanto grande: “Por favor, carne seca com abóbora, carne com azeitona, camarão com palmito, bacalhau, ahhh e esse tal de maduca também (um bolinho a base de mandioca, recheado de carne seca). E ainda não acabou, tem as doces: doce de leite com nozes, chocolate.”

Huuummm…

Sim, sou gorda!

Não posso deixar de comentar das pimentinhas fantásticas que comi por lá, só perde para a do Parque da Indepedência. E claro, tudo acompanhado da geladinha que a gente adora!

O Rancho já ganhou o prêmio comer e beber da revista Veja, como melhor salgado. Prêmio merecido, empadinhas de primeira. Só o preço que não é dos mais baratos, mas também não é um absurdo.

Fui na unidade da Vila Mariana, mas eles também tem loja no Morumbi e Vila Clementino, além do delivery.

O ambiente é bem gostosinho, meio rústico, sabe?! :)

No dia de fugir da dieta, corre pra lá. Vale a pena!

A dica de ir ao Rancho da Empada foi do Daniel e da Mari do blog E-Foda.Se

;)

7 Comentários

Arquivado em Mochilão SP

Praça Benedito Calixto

Sabadão foi dia de passear por aí. Destino: Praça Benedito Calixto – Pinheiros

Apesar de já ter ido lá outras vezes, essa foi especial. Eu tinha duas missões: Ajudar minha amiga Fer a comprar seu primeiro violão e, experimentar o Escodidinho da Amada, super tradicional ali na praça.

Começamos pela compra do violão. Hora de subir a Rua Teodoro Sampaio.

A Teodoro é engraçada, né?! Na parte de baixo, ali na região do Lgo. da Batata é cheia de camelôs, barraquinhas, comércios populares, perfumarias (adoro, visito sempre), aí você vai subindo e a rua vai ganhando outra cara, com lojas de móveis mais “chiquezinhas” e então, você finalmente chega as quadras mais alternativas da rua, dedicadas às coisas que eu quase não gosto: música, arte e moda. rs

Na época que eu tinha banda a Teodoro era um destino certo. Às vezes para sofrer e morrer de vontade de comprar tudo, outras para ser feliz, muito feliz, e escolher a nova guitarra, os novos pratos, o novo violão…enfim deixar a banda toda equipadinha :)

É tão legal observar as pessoas ali, os estilos tão diferentes e uma mesma paixão, a música.

A galera chega nas lojas e vai experimentando os instrumentos, fazendo seu som, seu barulho…um verdadeiro “Todo mundo junto e misturado”.

Ok, violão comprado.

Hora de correr pro Escondidinho da Amada, matar a fome, tomar aquela cerveja gelada, curtir uma boa música e ver gente, muita gente.

O Escondidinho da Amada é pequenininho, cantinho mesmo, mas tão lindinho, com um pé direito alto, que não tem como não chamar atenção. Fiquei observando as pessoas que passavam e todas comentavam: “Nossa, que lugar legal!”

Aquela gente animada num papo bom, a música… é o primeiro convite para entrar. Mas quando você senta, experimenta o escodidinho, o arrumadinho (huummm…só de lembrar…) e é atendido pela própria Amada com tanto carinho, você não quer mais sair de lá e quando sai é pensando na volta.

Ô eu e a Amada (tô zuada, mas ela tá ótema)

E para acabar, não posso deixar de falar da feirinha. Tudo lindo!!! Vontade de comprar tudo!!! Muitas coisas de época, óculos, máquinas fotográficas, máscaras, louças, vitrolas… muita coisa mesmo, cada uma mostrando a beleza de uma época diferente.

Eu diria que a feirinha da Benedito é uma grande feira de histórias. ;)

Acontecem alguns eventos culturais por lá também, para ver a programação é só entrar no site da praça.

PS. Depois de quase dois meses, consegui fazer um Mochilão. Pelo jeito vou demorar para chegar à minha meta de revirar essa cidade. Mas não desistooo!!!

Próxima parada: Paranapiacaba

15 Comentários

Arquivado em Mochilão SP