Arquivo da tag: melhor idade

Parque da Água Branca

>

Domingão de sol combina com parque!

O parque da Água Branca fica na região da Barra Funda, na Av Francisco Matarazzo. Para quem mora no extremo sul de São Paulo, como eu, é um pouco longe, mas vale super a pena.
O parque tem, além de muito verde, diversas atividades e um cuidado especial com a melhor idade.
Pude perceber que ali, essa geração tem espaço e opção: há lugar para aqueles que buscam praticar atividades físicas, na Praça do Idoso existem alguns equipamentos para exercitar o corpo e renovar a alma; Para os senhores e senhoras e, até mesmo, jovens, adultos e crianças amantes da boa música há espaço ao ar livre para curtir e admirar grupos musicais, no domingo um grupo estava tocando clássicos como Brasileirinha,  Trem das Onze… como estava com a família e meu sobrinho logo saiu correndo para desbravar o parque não consegui me informar se o grupo sempre se apresenta por lá, mas sei que na praça próxima aos quiosques de leitura sempre se apresentam grupos de música, dança e teatro;
E para aqueles que sentem falta da vida tranquila de tempos atrás em São Paulo ou para aqueles que sentem falta da terrinha que deixaram para vir para cá, há também o “cantinho caipira” do parque, um verdadeiro espaço reservado a cultura sertaneja e interiorana com muita música e comida típica. Lá vi que não existe idade para soltar o corpo e se jogar numa boa dança, seja sozinho, em dupla e até mesmo em rodas muito animadas.
Me impressionou a limpeza e organização. As pessoas em geral são bastante acolhedoras e educadas, o que faz do parque um ambiente bem familiar e tranquilo, sem aquela ‘muvuca’ que vemos muitas vezes no Pq. Ibirapuera, na Av. 23 de Maio.
Dentro do parque há o Aquário Água Branca, com muitas espécies de peixes e anfíbios. O aquário funciona como uma estação de conhecimento e conscientização sobre a importância  da preservação das águas para a vida animal e humana. Ali, além de admirar as bonitas e esquisitas espécies de peixe, fiquei feliz em ver a criançada curiosa, com fome de saber, perguntando sobre os peixinhos.
Para essa criançada toda, jovens e adultos com fome de conhecimento, tem também os espaços de leitura.  E fala se não é uma delícia ler ao ar livre? Sentindo a brisa do vento e ouvindo o som dos passarinhos.
O parque é bem grande, não deu tempo de conhecer tudo que ele oferece em apenas um dia, na saída avistei uma grande área que não conheci, parece ser dedicada  a cavalos, equitação… vi que tem até a casa do cavalo árabe. Fiquei curiosissíma e espero voltar em breve.
No site do parque dá para conferir todas essas atrações, os cursos, atividades e o calendário de eventos.

#ficadica

Essa merece estrelinha especial, como não sei fazer estrelinha, vai um balão (rs) ♦

E um muito obrigada a @mariliases e fez as montagens pra mim.
Deu pra perceber que melhorou bastante, né?!

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Mochilão SP