Arquivo da tag: morro de são paulo

10 lugares para conhecer em Morro de São Paulo – Bahia

Fui para Morro de São Paulo, na Bahia, no ano novo de 2012, viajando com o meu namorado. A paisagem ainda parece intocada pelo homem, as pessoas são educadas e atenciosas e a comida deliciosa, com preço acessível. Se você gosta de uma viagem para relaxar e entrar em contato com a Natureza, esse é um lugar perfeito.

Morro de São Paulo - Segunda Praia

Morro de São Paulo – Segunda Praia

Acabei não aproveitando muitas opções que o lugar oferece, devido ao tempo que eu fiquei (3 dias só!) e ao período que fomos. Sei que as baleias Jubarte aparecem por lá e fazer um show de coreografia entre Julho e Outubro, mas não foi dessa vez que conseguimos ver. Enfim, vamos voltar um dia, por que Morro de São Paulo é apaixonante.

De qualquer forma, vou colocar aqui algumas dicas rápidas de expriências que tivemos e que vocês não podem deixar de ter.

1. Mergulhar em piscinas naturais no meio do mar. Assim do nada, no meio do mar, você encontra esse paraíso: águas cristalinas, até a cintura, onde você pode mergulhar e observar os peixes nos corais.

Piscina no meio do mar

Piscina no meio do mar

2. Visitar o Museu dos Ossos do Tavinho, em Boipeba. O Tavinho é uma figurassa! Um cara super divertido que começou a colecionar ossos e com o tempo montou um museu onde você encontra de tudo um pouco: insetos, tartarugas, aves, etc. O mais legal de visitar o lugar é passar um tempo conversando com ele sobre as mudanças do vilarejo, os naufrágios e outras histórias da região.

Tavinho, dono do Museo do Osso

Tavinho, dono do Museo do Osso

Dentro do Museu do Osso

Dentro do Museu do Osso

3. Lagosta do Guido, em Boipeba. Não é em qualquer lugar que você pode comer uma lagosta pescada e preparada na hora, com um temperinho agridoce de abacaxi,  aproveitando a vista de uma das praias mais bonitas do Brasil, com o pé na areia. O prato da lagosta custa R$35.00.

Lagosta em Boipeba

Lagosta em Boipeba

4. Restaurante flutuante em Boipeba. Os restaurantes flutuantes são bem simples, mas oferecem ostra fresca, tirada no mar na hora, por R$15,00 a porção com 12.

Restaurante flutuante - Retirando as ostras da água

Restaurante flutuante – Retirando as ostras da água

Vista de cima do restaurante flutuante

Vista de cima do restaurante flutuante

5. Assistir o pôr-do-sol do Forte do Morro, na primeira praia.

Pôr-do-Sol visto do Farol, Morro de São Paulo, Bahia

Pôr-do-Sol visto do Farol, Morro de São Paulo, Bahia

6. Comprar artesanato local. Fiquei encantada com o anel e pulseira de coco, feitos por artesãos locais. São lindos e baratos, paguei R$10 em cada um. (Depois vi em uma loja em São Paulo por R$100,00 a pulseira, e duvido que o lucro vá para o artesão).

7. Tomar caipirinha de cacau com siriguela. À noite várias barraquinhas de caipirinha são montadas pelo centro de Morro de São Paulo. Tem caipirinha de tudo e todas as combinações de frutas locais: Siriguela, Cajá e Cacau são muito boas. As que tem combinação com cacau vêm dentro da própria fruta, você não precisa usar copinho plástico!

Caipirinha no centro de Morro de São Paulo

Caipirinha no centro de Morro de São Paulo

8. Visitar Cairu, a primeira cidade do Brasil. Há controvérsias em relação ao município ser ou não a primeira cidade do Brasil, mas com certeza você consegue ver e entender o Brasil do primeiro século de descobrimento lá. Atenção às casas com Eira e sem Beira e a Igreja de Santo Antônio (já falamos disso aqui, lembra?).

Azulejo português na Igreja de Santo Antônio, Cairu -Bahia

Azulejo português na Igreja de Santo Antônio, Cairu -Bahia

9. Praia de Gamboa: É uma praia calma, onde fica Clube de Vela e o banho de argila rosa. No Clube de Vela tem aulas para quem nunca velejou, e se você já tem a habilitação, pode alugar um barco. O restaurante do lugar tem o melhor camarão que eu já comi na vida: Camarão à Samambaia, empanado com coco fresco.

Banho de argila rosa

Banho de argila rosa na Praia de Gamboa

Camarão à samambaia - Praia de Gamboa

Camarão à samambaia – Praia de Gamboa

10. Curtir a noite na segunda praia. É a praia com a vida noturna mais movimentada de Morro de São Paulo. Tem banda ao vivo, sanfoneiros e de tudo um pouco para curtir a noite sem gastar muito. Achei os restaurantes um pouco caros nessa praia, então acho melhor comer na terceira praia (tem restaurantes muito bons e baratos lá).

Você já foi para Morro de São Paulo e tem experiências para compartilhar? Manda pra a gente no levonamochila@gmail.com ou pelo Instagram com #levonamochila.

Fotos por Fabi Kanamaro

Deixe um comentário

Arquivado em Brasil, Destinos