Arquivo da tag: Pub Crawl

Pub Crawl em Madrid, uma experiência nos bares da capital espanhola

Não se assustem com a foto, foi bem mais tranquilo do que parece.

Nos primeiros dias em Madrid, acabava voltando para o hostel por volta das 21h (nesse horário o sol ainda brilha), pois ficava super cansada de tanto andar pela cidade. Em uma quinta-feira me animei e resolvi participar de um pub crawl organizado pelo hostel. Nunca havia participado de um antes e a ideia nem me atraia tanto, mas como estava sozinha, pensei que seria uma boa oportunidade de conhecer pessoas e um pouco da noite de Madrid.

Nesse dia precisei trocar de quarto, saindo de um para 4 pessoas e indo para um com 6. Eis que estou em minha habitação, quando meus novos companheiros de quarto abrem a porta. Eram 5 californianos. Por um minuto senti uma mistura de alegria e desespero. Fiquei meio tímida, conversei um pouco com os caras e sai do quarto. Quando voltei estavam todos de cueca se preparando para tirar uma soneca. Por dentro, reagi assim. Por fora, fingi que não vi, peguei minhas coisas e sai correndo. Sim, sou uma loser.

Mais tarde, descobri que os caras também iriam para o pub crawl. Por 15 euros iríamos para 2 bares e uma balada, com direito a 2 cervejas no primeiro bar, um drink no segundo e entrada free na balada. Primeira parada: o bar underground do Cat’s Hostel. Muito legal, parece uma caverna, a cerveja é gelada, a música é boa e as vezes rola até umas bandas tocando por lá. Também é um ótimo lugar para se hospedar. Segunda parada: Não lembro. Não por culpa das cervejas, mas é que o bar era muito comum, não tinha nada que chamasse atenção, então fiquei conversando com um monte de gente e esqueci de fotografar e anotar o nome do lugar. Aos leitores, minhas sinceras desculpas. Terceira parada: Kapital. Maior balada que vi na vida. São 7 andares, cada um com um tipo de música. Cheio de gente bonita. O problema de lá é que eu sempre pensava “O que será que está tocando na outra pista?” e não parava quieta. De acordo com os californianos, o problema era que apesar de ser um lugar bem turístico, todas as meninas em quem eles chegavam falando inglês, não davam a menor atenção a eles. Então, garotos, se querem se dar bem, arrisquem falar espanhol.

No final o pub crawl foi acima das minhas expectativas. Conheci gente de várias partes do mundo, ouvi muitas histórias, ri demais, dancei e até cantei “Ai se eu te pego”, que estava tocando por toda parte. Valeu muito a pena, recomendo!

Anúncios

2 Comentários

Arquivado em Destinos, Espanha, Europa

Retrô: En tierras hermanas

Para ler ouvindo: Waking up in Vegas – Katy Perry

Minha vez de fazer o post do Mochilovers retrô. Agora em versão Argentina: recordar es vivir! :)

Não é a toa que escrever nesse blog é uma delícia, né?! Lembrar de cada cidade, pessoa, tudo que conhecemos em terras paulistanas ou não.

A minha viagem para Buenos Aires, como a da Fer à Itália,  foi a minha primeira internacional. Apesar do país ser vizinho ao nosso e o espanhol uma língua com a qual até me viro bem, o friozinho na barriga rolou solto.

Como já é minha marca em todas as viagens, Buenos Aires foi andar, andar e andar.

Estava na ânsia de conhecer tudooo!!!

Fomos a muitos lugares legais, outros que as pessoas falam demais e chegando lá não eram tudo isso.

E mesmo com pouco tempo, o Gustavo (amigo que me convidou para fazer essa viagem com ele) e eu conseguimos até conhecer uma cidadezinha argentina, onde fica a cervejaria Barbaroja. Dá pra adivinhar quem quis ir pra lá? hê

Ficamos em um hostel em Palermo, lá conhecemos argentinos, californianos, ingleses, brasileiros. Muita gente boa, que infelizmente não mantivemos contato.

Passamos pela Calle Florida, Obelisco, Casa Rosada, Plaza de Mayo, Jardim Botânico, Zoológico, Recoleta, El Caminito, La Bombonera…eita, muita coisa para lembrar.

Uma super dica é ir ao Pub Crawl, um tour pelos bares da cidade. É realmente uma noite para se lembrar (ou não…hehe).  O Pub Crawl transformou Buenos Aires em Vegas por uma noite para nós, realmente recomendo!!!

Dos quitutes apreciados por lá, as deliciosas empanadas de jamón y queso marcaram a viagem.

Experimentei cervejas diferentes, inclusive a famosa Duff, que por aqui não é tão fácil de achar. Me gusto!

Ficou gostinho de quero mais! … não vejo a hora voltar e curtir os lugares com mais calma. Já me vejo toda fina lendo um bom livro na varanda do Hard Rock Café.

;)

Tem mais fotos :)

Continuar lendo

5 Comentários

Arquivado em América do Sul, Argentina, Destinos